Parcelamento em até 10X sem juros


Buscar

Algodão Egípcio: quais os diferenciais e vantagens desse tecido?

algodão egípcio

Escolher bem a nossa roupa de cama é essencial. E entre os pontos que pesam bastante para esse fator, podemos citar o material das peças. Você leva isso em conta na hora de comprar uma peça?

Um dos materiais que tem sido bastante usado para lençóis e fronhas, por exemplo, é a fibra de algodão egípicio. Apesar das suas diversas vantagens, muitas pessoas não conhecem muito sobre esse material.

Pensando nisso, preparamos um conteúdo para falar mais sobre o algodão egípcio. Ao longo do artigo, iremos falar o que é esse material, sua origem, vantagens, diferenças em relação aos outros tipos de algodão e, ainda, tirar algumas dúvidas sobre o tema. Boa leitura!

Veja também: O que é toalha de lavabo? Saiba como utilizar essa peça

O que é algodão egípcio?

O algodão egípcio é considerado um dos melhores algodões do mundo. Quando pensamos no Egito, é comum fazermos uma associação à grande riqueza dos tempos de Cleópatra, não é mesmo?

Essa relação, no entanto, não é à toa. O algodão egípcio é bastante conhecido pelo seu comprimento, maciez e resistência, sendo sempre associado ao luxo e sofisticação. 

Esse tipo de tecido é famoso, portanto, pela sua altíssima qualidade, fazendo com que seja valorizado no mundo inteiro.

De onde surgiu?

conheça a origem algodao egipcio

Para entender ainda melhor o algodão egípcio, é importante falarmos sobre a história do material.

Essa fibra, originalmente da Índia, datada de mais de 5 mil anos atrás, foi levada para a região do Egito no século 19. 

Como já tinham grande conhecimento na produção de linho, os egípcios usaram as mesmas técnicas para manipular o novo material. 

O material teve seu auge no mercado internacional em 1860, fazendo com que o País passasse a se especializar nesse tipo de produção, que deu o nome de algodão egípcio.

Como é feito o cultivo

O algodão egípcio é, em maior parte, cultivado no delta do rio Nilo. Isso acontece pois se trata de uma região onde há a combinação perfeita entre o clima de sol intenso, pouca chuva, terra úmida para a criação de fibras extra-longas, como é o caso desse algodão.

A colheita dessa fibra acontece em 4 a 5 fases separadas, sempre de forma manual. Esse processo garante à fibra um índice de estresse muito reduzido. Dessa forma, é possível garantir a preservação das características originais.

Além disso, vale ressaltar que o Egito também faz constantes pesquisas sobre sementes de algodão, o que colabora para o desenvolvimento de técnicas que ajudem na correção de problemas que podem afetar o material.

Um ponto importante é que, embora sua produção tenha historicamente destaque no Egito,  este tipo de algodão não é fabricado somente lá. 

Atualmente, outros locais de cultivo que apresentam o mesmo clima de deserto quente e seco também podem produzi-lo.

Fabricação do algodão egípcio

No processo de fabricação de tecidos, como o algodão egípcio, o primeiro passo é buscar conter a umidade da fibra do tecido. É comum que no fim dessa etapa, a fibra se divida em sementes e seja embalada.

Depois disso, inicia-se o processo na qual as fibras são agrupadas e torcidas para formar os fios. Depois disso, as fibras são penteadas para formar fibras mais longas que, por sua vez, vão formar o tecido que conhecemos para confeccionar lençóis, por exemplo.

Contagem de fios

É essencial destacar a relação entre a contagem de fios com o algodão egípcio. Esse primeiro processo significa a contagem de fios dentro de uma polegada de tecido.

Muitas vezes, como os fios são contados faz toda a diferença, pois existem outros fatores que afetam o resultado final de uma peça de tecido, como é o caso das dobras ou a espessura.

Em resumo: quanto maior for a quantidade de fios aplicada na sua fabricação, melhor será o material.

Principais características e vantagens em usar peças de algodão egípcio

beneficios do algodão egípcio

A fibra de algodão egipício é um tipo com bastante destaque no mercado pela quantidade de vantagens que ele apresenta. A seguir, iremos falar um pouco mais sobre elas.

Fibras finas e longas

Um dos principais pontos que caracterizam o algodão egípcio são suas fibras longas e finas. No geral, elas apresentam um tamanho de 3,5 a 5 cm. Os fios, por sua vez, são adquiridos a partir de seu processo de fiação. 

Essas fibras mais longas e finas são importantes para garantir um aspecto mais liso e com menos imperfeições para os produtos finais. Esse processo, portanto, evita a formação de “bolinhas” nas peças de cama.

Cuidados desde o cultivo

O segundo ponto importante do algodão egípcio diz respeito aos cuidados que ele recebe desde o cultivo. 

Como falamos, essa fibra é colhida de forma manual. Esse é um processo mais vantajoso, visto que, ao não fazer uso de ferramentas, isso vai permitir que o fio do algodão egípcio seja mais macio.

Alta resistência

As fibras extra longas do algodão egípcio também conferem uma outra vantagem importantíssima do algodão egípcio: alta resistência.

Dessa forma, as peças produzidas com essa matéria-prima vão ter uma maior durabilidade, o que confere um maior custo benefício para quem compra. Além disso, se for bem cuidado ao longo dos anos, a peça pode manter a mesma resistência por maior tempo.

Mais conforto e menos alergia

A elevada maciez desse material garante que as roupas de cama e de banho feitas a partir desse tipo de algodão sejam mais confortáveis e aconchegantes para o corpo. 

O material vai criar uma sensação de “abraço” enquanto você dorme e após a secagem do corpo. Quando o assunto é alergia, esse material também apresenta vantagens.

As fibras desse tipo de algodão permitem uma maior circulação de ar entre as suas tramas. Dessa forma, a peça consegue ser mais arejada e, assim, diminuir a possibilidade do desenvolvimento de alergias.

Algodão egípcio: entenda a diferença entre os demais

Como você deve saber, o algodão é a fibra mais usada na fabricação de tecidos e fios. No entanto, há diversos tipos de algodão no mercado: o regular, o pima, e claro, o egípcio. 

Como nesse texto estamos focando em falar mais sobre o egípcio, a seguir, iremos apresentar as principais diferenças que os outros tipos têm em relação a ele.

Algodão Egípcio X Algodão Regular

O algodão regular é todo tipo restante de algodão que não se enquadra em uma categoria específica. Quando comparamos ele ao egípcio, podemos perceber algumas diferenças.

Os algodões regulares, em primeiro lugar, possuem suavidade, resistência e qualidade inferior ao algodão egípcio. Além disso, por serem um produto mais popular no mercado, apresentam menos características luxuosas.

A durabilidade e maciez deles também costuma ser menor, no entanto, isso vai depender dos cuidados que serão oferecidos ao longo do tempo.

Outra vantagem do algodão egípcio é em relação à sustentabilidade. O algodão tradicional costuma ter um tipo de cultivo intensivo em termos químicos, comprometendo o meio ambiente.

Outros aspectos que também impactam na pureza do algodão regular é que, diferente do egípcio, ele é sempre cultivado no mesmo solo – desgastando a terra – e, além disso, faz o uso de máquinas para ser colhido.

Apesar do algodão regular ainda ser um bom material, o algodão egípcio se destaca pela sua luxuosidade.

Algodão Egípcio X Algodão Pima

A grande diferença do algodão egípcio e o algodão pima é a região em que eles são cultivados. O algodão pima também é um tipo de algodão de fibras extra longas (FEL), no entanto, costuma ser cultivado no microclima característico da região Peruana. 

Uma questão importante aqui é que outros tipos de algodões podem ser produzidos no Egito sem levarem as características que estamos apresentando no artigo.

No entanto, em relação à fibra que estamos nos referindo, tanto o egípcio como o Pima utilizam a mesma planta como base, isto é, a Gossypium Barbadense. 

Dúvidas sobre algodão egípcio

Além do que já falamos, existem mais algumas dúvidas importantes para esclarecer em relação a esse material.

Onde usar algodão egípcio?

Como se trata de um item de alta qualidade e extremo conforto, o algodão egípcio pode ser a escolha ideal para peças que entram em contato com nosso corpo. 

É comum encontrar esse tipo de fibra em artigos de cama e banho, como, por exemplo, lençóis, fronhas e toalhas.

Lençóis e fronhas

conheça os produtos em algodão egípcio

A maciez do algodão vai garantir muito mais conforto ao deitar em lençóis desse material, além disso, a fronha com algodão egípcio não agride a pele do rosto. 

Esse aconchego será essencial para o seu descanso, fazendo toda a diferença em sua aparência no dia seguinte. 

Além disso, lençóis e fronhas com esse material apresentam mais sofisticação, o que contribui para a decoração e o charme do quarto.

Toalhas de rosto e corpo

melhores toalhas em algodão egípcio

O tipo de algodão egípcio é conhecido por ter uma capacidade excepcional de absorver líquido, absorvendo bem mais desde o primeiro uso.

Dessa forma, toalhas com essa confecção serão excelentes para oferecer a sensação de estar, de fato, enxugado e, ainda, não desenvolver um aspecto de endurecimento.

Por fim, o toque acetinado da toalha também traz mais conforto tanto para o corpo como para as mãos.

Algodão egípcio é caro?

Devido às suas características, que citamos ao longo do texto, como é o caso da maciez, pureza, durabilidade e sofisticação, o algodão egípcio é considerado um item de luxo. 

No mercado, é comum que esse tipo de fibra apresente valores mais altos em relação ao algodão tradicional. No entanto, há um melhor custo benefício, considerando que, embora seja mais caro, ele vai durar bem mais que outros tipos de materiais. 

Principais cuidados com peças de Algodão Egípcio

Como falamos, o tipo de algodão egípcio se destaca pela sua durabilidade. No entanto, quando não se conserva adequadamente, as peças poderão ter seu tempo de vida comprometido.

Pensando nisso, vamos falar sobre os principais cuidados que você deve ter com esse material para garantir que ele tenha uma alta durabilidade. 

Além de checar as instruções da etiqueta do material, para cuidar bem do seu lençol, fronha e toalha de algodão, é importante seguir algumas dicas:

  • Quando for lavar: sempre separe este item de outras peças na hora de lavar, seja na máquina ou na mão. Evite, principalmente, misturar com peças feitas em fio sintético. A prioridade é lavar sempre peças feitas em algodão egípcio juntas, mas nunca sobrecarregando a máquina.
  • Quando for secar: após a lavagem, sempre seque as peças feitas em algodão egípcio à sombra. Isso vai ajudar a conservar as cores do item por mais tempo;
  • Quando for passar: na hora de passar, tenha cuidado com a temperatura do ferro. Não é indicado expor os lençóis e fronhas que têm algodão egípcio em sua composição a temperaturas extremas.

Conclusão

Nesse texto a gente pôde falar um pouco mais aprofundadamente sobre o algodão egípcio e como ele pode trazer vantagens ao escolhê-lo como material para sua roupa de cama ou de banho.

O algodão egípcio é uma aposta de luxo, sofisticação e pureza que vale muito a pena para quem quer ter peças bonitas, duráveis e extremamente confortáveis. Se você está procurando opções de roupa de cama e banho com algodão egípcio, conheça as opções da Artelassê!

Roupa de cama de luxo com algodão egípcio – CONFIRA!

Produtos Relacionados